Em aceno aos cristãos, socialista publicou vídeo onde defende que a Bíblia e a Constituição Federal não são conflitantes. Ademais, imprensa pró-establishment já destaca Ciro Gomes como terceira via para 2022.

Circula pelas redes sociais nos últimos dias um vídeo onde Ciro Gomes (PDT) faz uma aproximação da Bíblia com a Constituição Federal brasileira, de 1988. Na propaganda, o socialista defende que as raízes do povo brasileiro são cristãs e baseadas nas sagradas escrituras, além de fazer defesa das igrejas.

De acordo com a fala no vídeo, Ciro Gomes faz alusão da religião cristã com a solidariedade, ligando o coletivismo à pregação cristã do amor ao próximo, defendendo a política como alavanca do progresso coletivo. Ademais, chama atenção a fala do socialista de que a garantia da liberdade de expressão é feita através do Estado. Confira.

Grande imprensa coloca Ciro Gomes como candidato viável ao centro em 2022

Em coluna publicada ontem (22) na revista Veja pelo jornalista Thomas Traumann, Ciro Gomes já é colocado como terceira via aceitável no próximo ano. Contudo, não é crível que a mudança no tom de fala e nas ideias do socialista tenha se alterado tanto nos últimos anos. A imprensa fará questão de esconder falas incisivas e grotescas do pré-candidato ao longo da campanha, fazendo com que ele passe a ser enxergado pelo povo como um ‘moderado’.

De acordo com Renova Mídia, a coluna escrita sob o título “Ciro é o anti establishment em 2022”, conta parte da trajetória política do pré-candidato do PDT à Presidência da República. Ademais, o jornalista destacou algumas algumas falas sobre o socialista.

Ciro é hoje a alternativa mais viável, senão a única, para os nem-nem, aqueles que rejeitam Jair Bolsonaro e Luiz Inácio Lula da Silva. […] Numa eleição em que um candidato é o presidente, o outro ocupou o cargo por oito anos e a turma do dinheiro olha com desconfiança, Ciro tomou para si o papel de anti establishment. […] Se o Ciro de 2002 e 2018 já não tinha freios na língua, o Ciro de 2022 é o anjo vingador que bate em Bolsonaro e Lula com a mesma falta de piedade e iguala ambos em um tribunal particular.

Filie-se agora ao Movimento Conservador! Acesse: