Comissão aprova projeto que transforma Dia da Mulher em feriado nacional. O objetivo, segundo relatora, é fortalecer a luta contra a discriminação e a violência contra as mulheres. Proposta ainda será analisada pela Comissão de Cultura e depois precisa ser avaliada pela Comissão de Constituição e Justiça.

Um projeto de lei (PL 6215/16) aprovado pela Comissão dos Direitos da Mulher da Câmara dos Deputados em maio transforma em feriado nacional o Dia da Mulher, comemorado em 8 de março. O objetivo, segundo a relatora, deputada Rejane Dias (PT-PI), é fortalecer a luta contra a discriminação e a violência contra as mulheres.

A proposta, do deputado Hélio Leite (DEM-PA), agora será analisada pela Comissão de Cultura. Depois disso, ainda precisa ser avaliada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) e pelo Plenário. Com isso, mais e mais propostas da esquerda avançam na Câmara dos Deputados, evidenciando a falta de atuação estratégica da base do governo.

Adaptado de: Agência Câmara de Notícias.

Filie-se agora ao Movimento Conservador! Acesse: