Por: Vinícius Mariano

O atual presidente da França, Emmanuel Macron, e a líder de direita Marine Le Pen foram escolhidos pela população para disputarem a presidência da França em segundo turno, que deve ocorrer no dia 24 de abril. Segundo o Ministério do Interior do país, Macron recebeu 27,60% dos votos e Le Pen, 23,41. O vencedor irá governar o país até 2027, já que na França o mandato presidencial tem duração de 5 anos, diferente das outras repúblicas presidencialistas.

Os franceses escolheram dentre 12 candidatos, dentre os quais 10 não obtiveram muitos votos, sendo eles:

Eric Zemmour: 7,05%;

Valérie Pécresse: 4,79%;

Yannick Jadot: 4,58%;

Jean Lassalle: 3,16%;

Fabien Roussel: 2,31%;

Nicolas Dupont-Aignan: 2,07%;

Anne Hidalgo: 1,74%;

Philippe Poutou: 0,77%;

Nathalie Arthaud: 0,57 %.

A diferença de votos entre Macron e Le Pen foi apertada, no entanto, não é a primeira vez que isso acontece: nas eleições presidenciais de 2017, Macron obteve 24,01% e Le Pen 21,3 no primeiro turno. No segundo, a vantagem do atual presidente aumentou consideravelmente, tendo ele recebido 66,10% dos votos válidos enquanto Le Pen ficou com apenas 33,90.