Fundado em maio de 2016, o movimento Direita São Paulo, está presente em 50 municípios paulistas, com cerca de 1200 membros – organizando manifestações a favor da vida dos policiais militares, a favor do Projeto de Lei Escola Sem Partido, contra o aborto, contra a lei de migração, a favor da revogação do estatuto do desarmamento e de tantas outras pautas conservadoras – atendeu os apelos de conservadores interessados em realizar o mesmo trabalho em outros Estados da Federação, expandiu os seus trabalhos para alcançar todo o país e passou a se chamar Movimento Conservador.